Temer diz, em tom de ameaça, que atual Previdência vai prejudicar o povo

10 de março de 2017 / Atualizado em 10 de março de 2017
Compartilhar

O presidente Michel Temer (PMDB), em um tom próximo de ameaça, disse, em seu artigo no jornal Folha de S. Paulo, nesta sexta-feira (10), que se não aprovar a reforma da Previdência, “os jovens de hoje não terão aposentadoria amanhã”. “Mais do que isso: os aposentados de hoje já terão seus benefícios em xeque”, completou.

“Propusemos reforma em linha com a prática em outros países que passaram pela transição demográfica que atravessamos, de forma a buscar a convergência entre regimes, eliminando privilégios. Nosso objetivo é uma Previdência Social sustentável e equânime”, explicou.

Em um texto sobre a volta do país ao Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas, o peemedebista disse que o Brasil está superando a crise econômica. Para ele, a “verdadeira responsabilidade social pressupõe responsabilidade fiscal”. “Compromisso efetivo com os direitos humanos requer planejamento, progressos sustentáveis, cuidado com a coisa pública”, afirmou.

Por Redação

Top 10

Enquete

    O como está o nosso site?

    Ver resultados

    Carregando ... Carregando ...